domingo, 24 de julho de 2016

Companheirismo

Edson Celulari, com câncer diagnosticado há um mês, elogia namorada: Anjo

Edson Celulari foi diagnosticado com linfoma não-Hodgkin há cerca de um mês e desde então tem recebido o carinho de fãs e de familiares. Nesta sexta-feira (22), o ator retribuiu o apoio da namorada, a atriz Karin Roepke ao postar uma foto dos dois, agradecendo por seu companheirismo.
"Sempre comigo. Anjo da guarda. Que sorte a minha. Amor, amor...", legendou o artista, que segue confirmado no elenco da "À Flor da Pele", próxima novela das nove de Glória Perez que terá quatro protagonistas.
Em suas redes sociais, há algumas semanas, a atriz já havia demonstrado gratidão aos seguidores do casal. "A solidariedade emociona. No momento nos sentimos como nessa foto, de mãos dadas, no mesmo caminho, junto com todas as pessoas que enviaram palavras de força, apoio e otimismo. Muito obrigada aos amigos, conhecidos e desconhecidos por tanto carinho. Obrigada, obrigada, obrigada! Que cada um receba de volta o amor enviado. Tudo isso nos deixou mais fortes e confiantes ainda. Paz e bem!", escreveu.
Diretor de filme revela bom humor nos bastidores
Em recente entrevista Paulo Nascimento, diretor do longa "Teu Mundo Não Cabe Nos Meus Olhos", do qual Celulari faz parte do elenco, revelou que o ator não se abalou com a doença e se rindo nos bastidores. "Brincamos com a careca e ele ri. Um produtor nosso raspou a cabeça para dar força e minha filha também fez uma montagem minha sem cabelo que mostrei para ele", contou ao jornal "Extra".
Msn

Álcool é fator de risco para ocorrência de câncer

Álcool está diretamente relacionado à ocorrência de sete tipos de câncer, diz estudo

O consumo de álcool está diretamente relacionado à ocorrência de sete tipos de câncer, segundo uma revisão de estudos publicada nesta quinta-feira (21) pela revista científica "Addiction". Feita por uma pesquisadora da Universidade de Otago, na Nova Zelândia, a revisão avaliou dados de pesquisas sobre álcool e câncer publicadas nos últimos 10 anos.
Os cânceres que podem ser diretamente provocados pelo consumo de álcool, segundo o estudo, são o de orofaringe, esôfago, fígado, cólon, reto e mama feminina.
Já havia um entendimento de que o álcool era um fator de risco para a ocorrência de câncer. Este estudo, porém,  comprova uma relação mais direta entre as duas coisas.
A revisão concluiu que o álcool causou cerca de 500 mil mortes por câncer em 2012, 5,8% do total de mortes por câncer no mundo. Enquanto o problema maior está relacionado ao consumo excessivo de bebidas, mesmo o consumo baixo e moderado pode representar um risco.
G1 

Safadão curte Fortal

Wesley Safadão convida ex-BBB Munik para ir ao seu camarote em micareta

Depois de gravar o novo DVD em sua mansão, onde recebeu Luan Santana, Wesley Safadão curtiu o Fortal com a mulher, Thyane Dantas, com quem vai oficializar em breve a união, na quinta-feira (21), em Fortaleza, no Ceará. No camarote do cantor no evento, o casal se divertiu com as apresentações de atrações como a dupla Jorge e Mateus, Bell Marques e Banda Eva, além de participação de Anitta.
Fã declarada do forrozeiro, Munik, que viajou para o nordeste e contou quando vai começar a gravar o longa "Quarto 10", também curtiu a primeira noite da micareta. A goiana, inclusive, tietou o músico de longe. "Gente, estou vendo o Safadão daqui. Está bem de frente o camarote dele. Eu vou falar pra vocês: é muita emoção, disse, em sua conta no Snapchat. Nas filmagens, o artista acena para a goiana e, em seguida, ele a chama para ir ao seu encontro no espaço VIP.
Cantor comemora aniversário da filha caçula
Wesley Safadão e Thyane Dantas comemoram o aniversário de dois anos da filha Ysis, na última segunda-feira (18). O casal escolheu o tema boneca para a festa e reuniu a família para uma foto com direito aos looks combinando.
"Essa foto ficou linda demais! Ontem no aniversário da minha Princesa Ysis! Minha família, minha vida, meu tudo. Obrigado Senhor! Obrigado, também a todos que fizeram parte dessa festa conosco! Diversão garantida com eles", escreveu o cantor, um dos famosos brasileiros com presença confirmada na festa de abertura das Olimpíadas do Rio.
Msn

Assaltantes matam criança

Menino de 8 anos morre após ser espancado por assaltantes; Ele estava com o pai

Criança e pai estavam numa moto quando foram abordados pelos suspeitos. Casa aconteceu no distrito de Caravelas, no sul do estado

 
Um menino de oito anos foi espancado até a morte por dois assaltantes na noite de sexta-feira (22) numa estrada no distrito de Caravelas (BA). O delegado responsável pelo caso, Manoel Andretta, conta que pai e filho estavam na estrada numa moto quando foram abordados pelos suspeitos. O pai tinha apenas R$ 30 na carteira, o que levou os criminosos a agredirem a criança e o homem.
Após espancarem os dois, os criminosos fugiram com a moto e com documentos da vítima. Ambos foram encontrados por uma pessoa que passava pela estrada e encaminhados aos hospital de Teixeira de Freitas. A criança morreu no centro médico e o pai permanece em estado grave, segundo o R7.
Os adolescentes de 15 e 17 anos, suspeitos pelo crime, foram apreendidos na madrugada deste sábado (23). A motocicleta e os documentos das vítimas foram encontrados em local próximo de onde ees foram encontrados. O caso é investigado pela delegacia de Teixeira de Freitas.
Notícia ao Minuto

sábado, 23 de julho de 2016

Monitoramento

Polícia Federal usou agente infiltrado para prender suposto grupo terrorista

Eles estariam planejando ataques no Rio de Janeiro durante os Jogos Olímpicos


A Polícia Federal (PF) usou um agente infiltrado para ter acesso aos grupos de bate-papo em que os investigados pela Operação Hashtag conversavam sobre a possibilidade de realizar ataque terrorista durante os Jogos do Rio.
A Folha apurou que, com essa técnica de monitoramento, as forças de segurança reuniram elementos suficientes para comprovar que os simpatizantes das facções extremistas migraram de meras manifestações de apoio ao Estado Islâmico aos chamados atos preparatórios, o que sustentou a realização das prisões na última quinta (21).
Com acesso aos diálogos, os policiais descobriram que, além dos planos para o Rio, o grupo chegou a cogitar uma investida no exterior. Em outro momento, falaram inclusive em ir à Síria, mas não conseguiram angariar recursos para a viagem.
O acompanhamento do infiltrado também foi útil para traçar o perfil dos integrantes do grupo de conversa.
Os investigadores identificaram, por exemplo, que parte dos suspeitos não se dizia convertida ao islamismo, mas, sim "revertida" porque consideravam que haviam nascido muçulmanos, foram batizados em outras religiões, mas acabaram retornando aos preceitos islâmicos.
O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, disse, em entrevista após a operação, que os suspeitos se auto-intitulavam Defensores da Shaira e, na maior parte do tempo, recorriam aos aplicativos e à internet para se comunicarem. Em virtude disso, o acesso às conversas rendeu farto material à investigação.
INÍCIO
Segundo relato de fontes à reportagem, o caso teve origem em monitoramento iniciado há mais de um ano pela Abin (Agência Brasileira de Inteligência), que em determinado momento passou a compartilhar informações com a DAT (Divisão Antiterrorismo) da Polícia Federal.
Pelo menos desde 2014 é feito o acompanhamento dos passos, na internet e fora dela, do suspeito Marco Mário Duarte, que nas redes sociais diz se chamar Zaid Duarte.
Dois anos atrás, ele foi objeto de texto de um blog que procurava denunciar suas atividades como simpatizante do Estado Islâmico e de ações terroristas. Nessa publicação, foram divulgadas duas fotos em que Zaid supostamente portava armas.
Na época, os órgãos de inteligência colocartam holofote sobre Zaid e apuraram que na primeira imagem ele portava não arma de fogo, mas de brinquedo, usada em paintball. A segunda, um fuzil AK-47, era real, porém o homem que o carregava não era Zaid –ele teria copiado a imagem em outro site.
A partir desse primeiro contato com Zaid, os órgãos de inteligência continuaram monitorando suas atividades que, ao longo dos últimos dois anos, se intensificaram, o que levou a PF a agir.
Folha de São Paulo

Privilégios pagos com dinheiro público

Paula Roussef, filha de Dilma poderá ser condenada na Justiça Federal

Publicado por: Amara Alcântara
2fndkyny3d_1par88h01k_file
Paula Rousseff é Procuradora do Trabalho, cargo que equivale a Procurador da República na Justiça do Trabalho. Não pode alegar que desconhece as leis vigentes no Brasil para “aceitar” favores e se valer de mordomias não previstas na legislação. ” “Aqueles que se beneficiaram podem ser condenados a ressarcir as despesas aos cofres públicos acrescidas de multas pelo desrespeito à lei”.
“Uma ilegalidade destas já fez muitos parentes de prefeitos pelo País responderem pelo crime de peculato”, afirma o especialista em direito público José Badue Freire, do escritório Peixoto e Cury, referindo-se ao uso indevido e ilegal de bens públicos – automóveis e servidores terceirizados – pagos pelo contribuinte.
Dilma Rousseff não consegue explicar os privilégios pagos com dinheiro público à sua família. juristas dizem que ela poderá ser condenada a ressarcir a União e a oposição pede que a denúncia feita por ISTOÉ seja apurada e a mamata suspensa.
Na semana passada, a presidente afastada, Dilma Rousseff, por meio de nota à imprensa, procurou explicar as mordomias ilegais que, com dinheiro público, privilegiam sua filha, seu genro e seus netos, como mostrou reportagem publicada por ISTOÉ. Mais uma vez, ela lançou mão de argumentos falsos para esconder práticas nada republicanas. Os privilégios concedidos à família da petista serão agora alvos de investigações pedidas pelo DEM. O partido vai solicitar ao Ministério Público e ao Gabinete de Segurança Institucional (GSI) que apurem quem as liberou, além de pedir para que sejam suspensas.
Em sua última edição, ISTOÉ revelou que Paula Rousseff, filha da presidente afastada, e Rafael Covolo, seu marido, têm à disposição, em Porto Alegre (RS), uma frota de oito carros oficiais de representação (todos blindados e autorizados a circular com placas frias) e um staff formado por 16 profissionais, entre motoristas e seguranças. A reportagem constatou que esse aparato pago pelos contribuintes é usado pelos familiares de Dilma em atividades corriqueiras, como idas ao cabelereiro, petshop, além do transporte dos netos da petista à escola. Cálculos feitos por técnicos do GSI indicam que a mordomia custa cerca de R$ 300 mil por mês. A reportagem de ISTOÉ constatou que, em junho, gastou-se mais de R$ 13 mil só em combustível.
“Dilma gosta de exaltar que nunca se beneficiou da coisa pública. É preciso então que sejam esclarecidas estas graves denúncias”, diz o presidente do DEM, senador Agripino Maia. Na semana passada, depois da revelação feita por ISTOÉ, Dilma tentou explicar a mamata. Em nota, ela não negou que o staff pago com dinheiro público esteja a serviço de sua filha e de seu genro, mas procurou dar ares de legalidade, citando uma série de leis e decretos. O problema é que basta uma leitura atenta às leis mencionadas pela própria presidente afastada para concluir que a mordomia dada aos Rousseff é ilegal.
A petista diz que o inciso VII do artigo 6º da Lei 10.683, de 28 de maio de 2003, garante que os familiares do presidente da República e do vice-presidente tenham segurança fornecida pelo Estado. É verdade. A lei sancionada pelo ex-presidente Lula garante que os filhos de presidente tenham direito a seguranças. Mas, ao contrário do que diz Dilma, o texto não prevê o uso de carros oficiais para fazer o transporte da família presidencial, muito menos de um presidente afastado de suas funções.
Em tese, só a escolta para segurança seria permitida e ainda assim se houver risco iminente à integridade. Em outro trecho da nota, Dilma invoca o artigo 5º do decreto 6.403. Novamente, equivoca-se. O decreto prevê o uso de veículos de “transporte institucional” aos parentes do presidente, em ocasiões especiais. Na verdade, Paula Rousseff e o marido usam outro tipo de serviço, o de “carros de representação.” Os carros do chamado serviço institucional são veículos comuns, com identificação de “a serviço do governo federal” nas portas.
Já os veículos de representação são os chamados vips. São carros blindados com placas frias. Esses últimos, segundo artigo omitido por Dilma, “são utilizados exclusivamente pelo presidente da República, pelo vice-presidente”, pelos Comandantes das Forças Armadas e por ex-presidentes. Categoria que os parentes dela não se encaixam. Para juristas ouvidos por ISTOÉ na quarta-feira 20, os familiares de Dilma e aqueles que liberaram a mordomia podem ser responsabilizados nas esferas criminal e cível. “Uma ilegalidade destas já fez muitos parentes de prefeitos pelo País responderem pelo crime de peculato”, afirma o especialista em direito público José Badue Freire, do escritório Peixoto e Cury.
“Aqueles que se beneficiaram podem ser condenados a ressarcir as despesas aos cofres públicos acrescidas de multas pelo desrespeito à lei”. Para quem for designado a investigar o caso, o jornal O Estado de S.Paulo publicou, na quarta-feira 20, um caminho a ser seguido. De acordo com a publicação, os veículos usados pela família da petista foram licitados para atender ao então vice Michel Temer. Depois, acabaram desviados em uma canetada de mãe para filha à família Rousseff enquanto Temer permaneceu usando carros mais antigos.

Fonte: Cristal Vox

Bandido é baleado em mansão da mãe de Safadão

Assalto na casa da mãe de Wesley Safadão termina com bandido baleado

Publicado por: Amara Alcântara 
image
Bandidos armados entraram na casa da mãe do cantor Wesley Safadão, mansão localizada na Serrinha, no estado do Ceará. Lugar também, que o cantor morava com a mulher e os filhos até dois meses atrás antes de se mudar para sua cobertura em frente à orla de Fortaleza.
Os assaltantes aproveitaram o fato da casa tá vazia pelo fato da família ter se deslocado para o circuito “Cidade do Fortal”, onde Wesley será a atração mais esperada da noite puxando o bloco El Loco. A família estará dividida em cima do trio e no camarote particular do cantor no evento.
Voltando para o assalto, os bandidos deram azar, pois a gigantesca mansão possui sistema de segurança bastante operante que no momento perceberam a ação e não pensaram duas vezes em mandar bala pra cima dos meliantes.
Houve oito disparos, apenas um dos bandidos  foi atingido, mas não morreu.
image
Na última quarta-feira, safadão gravou seu novo DVD na residência. O projeto titulado “WS em Casa”, contou só com os íntimos.
Donna Bill, mãe do cantor postou fotos mais cedo de saída da casa para ir prestigiar o filho. Que coisa!!!
A correria é geral já que o cantor já se encontra em cima do trio em sua apresentação. A Família tenta a todo custo abafar o caso.
Aguarde mais informações!!!

Fonte: Blog da Riquinha

Pesquisa

Ômega 3 pode evitar morte por câncer no intestino, indica cientistas dos EUA

Ômega 3 pode evitar morte por câncer no intestino, indica estudo
O câncer de intestino pode ser combatido com ácidos graxos ômega 3, uma substância presente em peixes como salmão, atum, sardinha e arenque, além de frutos do mar, vegetais e nozes. Cientistas dos Estados Unidos chegaram à conclusão após realizarem uma pesquisa com mais de 170 mil voluntários e notaram que, entre os 1.659 que desenvolveram o tumor, havia uma forte correlação entre maior ingestão do composto e menor risco de morte.
“Em comparação com os pacientes que consumiram menos de 0,1g de ácidos graxos ômega 3 por dia, aqueles que consumiram pelo menos 0,3g diário após o diagnóstico tiveram um risco 41% menor de morrer pela doença”, detalharam, em um comunicado, os autores do estudo, liderado por Mingyang Song, pesquisador da Universidade de Harvard (EUA), e divulgado, nesta semana, na revista médica britânica Gut.
Os investigadores acreditam que os achados, caso sejam confirmados em mais pesquisas, possam ajudar em estratégias de tratamento e de prevenção do câncer, mas frisam que os resultados “fornecem a primeira linha de evidência de base populacional para o impacto potencialmente positivo de ácidos graxos ômega 3 de peixes oleosos na sobrevivência” ao tumor. Outros benefícios do composto também estudados são a melhora no funcionamento do cérebro, a da retina e a do sistema nervoso.
Chamados de câncer colorretal, os tumores do intestino são bastante frequentes na população mundial, mas apresentam altas taxas de cura quando diagnosticados no estágio inicial. O cigarro, o consumo excessivo de bebida alcoólica e uma dieta com as chamadas gorduras ruins são alguns dos fatores de risco para a enfermidade. Grande parte desses tumores se inicia a partir de pólipos, lesões benignas que podem crescer na parede interna do intestino grosso.
A estimativa do Instituto Nacional de Câncer é de que, neste ano, sejam diagnosticados no Brasil 34.280 casos da doença, sendo 16.660 em homens e 17.620 em mulheres. Em 2013, 15.415 — 7.387 homens e 8.024 mulheres — morreram em consequência de complicações do carcinoma.
PB Agora com revista médica britânica Gut

PM mata mulher e comete suicídio

Policial Militar da UPP mata a mulher e comete suicídio no Rio de Janeiro

Casal costumava discutir por ciúmes, afirmou vizinho Foto: Reprodução / Facebook
Casal costumava discutir por ciúmes, afirmou vizinho Foto: Reprodução / Facebook
Um policial militar da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) matou a mulher e, em seguida, se matou em Cosmos, na Zona Oeste do Rio. O crime aconteceu no imóvel onde o casal morava, na Rua Doutor Renato Vasconcelos, comunidade Vila do Céu. Segundo moradores do local, Ingrid da Silva Martins estava na porta de um salão de cabeleireiro ao lado de sua casa, conversando com a amiga, proprietária do estabelecimento, quando o policial chegou. O sargento Vicente Gouveia Ferreira entrou em casa, mas saiu logo depois e chamou a mulher. Minutos depois de entrarem, ele matou a mulher e cometeu suicídio.
— Por voltas das 9h10m, ele comprou pão e foi para casa. Parou o carro, entrou em casa, depois voltou e chamou a Ingrid para conversar. Dez minutos depois, ouvimos os tiros. Parece que foram cinco nela e um nele — disse um morador, que preferiu não se identificar.
O morador disse ainda que o casal morava há cerca de seis anos no local e que costumavam brigar por ciúmes:
— De vez em quando, discutiam por ciúmes. Ela era muito bonita.
Segundo a Polícia Civil, a filha de 3 anos do casal foi atingida por estilhaços na perna, mas passa bem, tendo sido socorrida pelos bombeiros. Uma perícia minuciosa foi realizada no local. O policial era lotado na UPP Jacaré, Zona Norte do Rio.

G1

PSB e partidos aliados realizam Convenção em Água Branca

TARCÍSIO E FABIANO TÊM NOMES HOMOLOGADOS EM CONVENÇÃO MUNICIPAL, JUNTAMENTE COM CANDIDATOS À CÂMARA

O  PARTIDO SOCIALISTA BRASILEIRO - PSB, através do seu Diretório Municipal, realizou neste sábado (23) a Convenção Partidária que homologou os nomes de Tarcísio Firmino e Fabiano Batista, para prefeito e vice de Água Branca, respectivamente. 
A Convenção Municipal do PSB foi realizada conjuntamente com PSDB, PP, PROS e DEM, partidos aliados.     
Além dos candidatos da chapa majoritária e dos concorrentes à Câmara Municipal de Água Branca, outras autoridades e lideranças partidárias também estiveram presentes ao evento que aconteceu no Ginásio Esportivo da Escola Municipal Antônio Virgulino Batista e contou com a participação do povo em geral.
Na oportunidade, todos os candidatos puderam se expressar aos presentes, destacando-se dentre os discursos o breve pronunciamento do prefeito Tarcísio Firmino, que manifestou "a necessidade de direcionar esta campanha de modo objetivo, sem interferência de atitudes mesquinhas e antiéticas, e que, sendo reeleito, sua nova administração será de ascendência buscando sempre superar a anterior".
Veja abaixo mais fotos do evento das lentes do internacional jornalista Jorge Chicago:

"Semente Mágica" é descoberta por jovens cientistas

Adolescentes brasileiros descobrem semente que transforma água suja em potável

Publicado por: Amara Alcântara
Reprodução
Os estudantes concluíram que a semente de moringa oleífera poderia ser usada para filtrar água contaminada com o objetivo de remover as impurezas do líquido e deixá-lo potável. O objetivo seria utilizar a planta como uma alternativa mais acessível para recuperação de água poluída por produtos químicos, algo bastante comum em diversos locais do Brasil.
“A ideia veio logo depois do desastre de Mariana, em Minas Gerais. Queríamos fazer algo para ajudá-los e começamos a pesquisar uma maneira barata de filtrar a água”, diz Letícia, que concluiu seus estudos no colégio Ari de Sá, em Fortaleza (CE), no ano passado.
A escola, aliás, foi importante para que os dois alcançassem a honraria do Google. Ela liberou aos dois o uso dos laboratórios de ciência do local para que eles pudessem realizar os experimentos e as análises. Apesar da boa vontade da instituição de ensino, Gabriel admite que a falta de um laboratório profissional com equipamentos capazes de realizar a análise microbiológica dos materiais foi o que mais dificultou o trabalho.
Intitulado “Semente Mágica – Transformado água contaminada em água potável”, o projeto está em constante desenvolvimento desde o começo do ano e só foi “finalizado” para a competição do Google na noite anterior ao fim do prazo. “Faltavam só duas horas”, revela Letícia.
Depois de seis meses de pesquisas e desenvolvimento e com um prêmio importante nas mãos, que os garante na competição final com os vencedores de outros continentes, em setembro, na Califórnia, além de US$ 1.000, a vontade dos jovens cientistas é de levar o projeto para frente.
Para isso, contudo, eles admitem que precisam de apoio financeiro, principalmente por meio de patrocínios. Até o momento, porém, nenhuma empresa se mostrou interessada na tecnologia a ponto de investir nos jovens.
Enquanto isso não acontece, os dois vão focando em seus estudos. A garota está de malas prontas para embarcar para os Estados Unidos, onde irá estudar na prestigiada Universidade de Stanford, uma das melhores do planeta. Gabriel, por sua vez, ainda precisa concluir seus estudos do ensino médio e tem o objetivo de cursar o Instituto de Tecnologia da Aeronáutica (ITA) ou também sair do Brasil.
Questionados, ambos revelaram os motivos que os fizeram cogitar a possibilidade de estudar fora do país. “O apoio científico lá (no exterior) é maior, principalmente nos Estados Unidos”, diz o estudante. Eles ainda consideram o fato de que o ambiente acadêmico norte-americano propiciaria uma experiência única e os colocaria mais próximos de nomes importantes da área científica.
Para Letícia, que recebeu o convite de outras universidades dos Estados Unidos, o Brasil fica muito atrás das grandes potências em termos de educação. “O ensino da ciência aqui ainda é muito precário. Principalmente no setor público”, lamenta.
Fonte: OLHAR DIGITAL

Ex-ministro agiu como operador da esposa

Paulo Bernardo agiu como ‘operador’ da senadora Gleisi Hoffmann, diz Procuradoria

Publicado por: Carlos Rocha
gleisi
A Procuradoria-Geral da República afirmou ao STF (Supremo Tribunal Federal) que o ex-ministro Paulo Bernardo agiu como o “verdadeiro operador” da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), sua mulher, na Lava Jato.
A afirmação consta no pedido da Procuradoria para que o tribunal receba denúncia contra o casal e o empresário Ernesto Kugler Rodrigues, abrindo uma ação penal pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.
A acusação é que a campanha de Gleisi ao Senado, em 2010, teria recebido R$ 1 milhão do esquema de corrupção da Petrobras.
O parecer assinado pela procuradora-geral da República em exercício, Ela Wiecko, afirma que Paulo Bernardo foi responsável por solicitar a propina para a campanha.
“O desempenho dessa função por Paulo Bernardo, como um verdadeiro operador de sua esposa -inclusive valendo-se da importância do ministério então por ele ocupado-, exatamente como dito por Paulo Roberto Costa [ex-diretor da Petrobras] e Alberto Youssef [doleiro], que o apontaram como solicitante da vantagem indevida em favor da codenunciada Gleisi”, diz o texto.
Segundo Wiecko, “a denúncia aponta elementos concretos em relação à lavagem de dinheiro da propina repassada à Gleisi, com atuação de Paulo Bernardo e Ernesto Kugler”.
Na manifestação, a Procuradoria reafirma que, entre julho de 2010 e outubro de 2010, “terminais vinculados a Paulo Bernardo realizaram 163 ligações para o telefone de Ronaldo Baltazar responsável pela administração financeira da campanha de Gleisi ao Senado em 2010, e 82 ligações para o PT no Paraná”.
A acusação da Procuradoria leva em consideração a delação premiada do advogado Antonio Carlos Brasil Fioravante Pieruccin, que confirmou repasses de dinheiro para a campanha da petista.
Segundo Pieruccini, em 2010, ele foi orientado por Youssef a fazer quatro viagens de São Paulo a Curitiba para entregar dinheiro à campanha de Gleisi, ex-ministra da Casa Civil (2011-2014).
Ele contou ter ouvido de Youssef que os valores “tinham sido acertados com Paulo Bernardo”, ex-ministro do Planejamento (2005-2011) e das Comunicações (2011-2015), e se destinavam à campanha eleitoral da candidata ao Senado.
O ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF, analisará a denúncia e levará o caso para a segunda turma do tribunal, composta por cinco integrantes.Se os ministros aceitarem a denúncia, os dois serão transformados em réus. Não há data prevista para essa análise acontecer.
Além desse inquérito sobre a Lava Jato, Gleisi e Paulo Bernardo são investigados por suspeita de participação em um esquema de corrupção no Ministério do Planejamento. Paulo Bernardo chegou a ser preso, a pedido da Justiça de São Paulo, na chamada Operação Custo Brasil.
OUTRO LADO
Em depoimentos prestados à Polícia Federal, Gleisi Hoffmann e Paulo Bernardo negaram quaisquer irregularidades na campanha de Gleisi em 2010 ao Senado.
A defesa do casal tem afirmando que não há elementos que justifiquem a abertura de ação penal.
“Todas as provas que constam no inquérito comprovam que não houve solicitação, entrega ou recebimento de nenhum valor por parte da Senadora. A denúncia sequer aponta qualquer ato concreto cometido. Baseia-se apenas em especulações que não são compatíveis com o que se espera de uma acusação penal”, diz o texto assinado pelos advogados Rodrigo Mudrovitsch e Veronica Abdala Sterman.
“São inúmeras as contradições nos depoimentos dos delatores que embasam a denúncia, as quais tiram toda a credibilidade das supostas delações. Um deles apresentou, nada mais, nada menos, do que seis versões diferentes para esses fatos, o que comprova ainda mais que eles não existiram.”
Segundo os advogados, a delação de Pieruccini demonstra a fragilidade das acusações.
“Ao apagar das luzes, depois de um ano e meio da abertura do inquérito, uma terceira pessoa aparece disposta a dizer que teria realizado a suposta entrega de valores, numa nova versão que foge de qualquer raciocínio lógico. Vale lembrar que esta pessoa é amigo/sócio/ funcionário de Alberto Youssef, o que comprova ainda mais a fragilidade das provas e se vale do mesmo advogado de Alberto Youssef para fazer sua delação.”
Sobre o ex-ministro, os advogados afirmam que “as referências ao ex-ministro Paulo Bernardo na denúncia baseiam-se em declarações contraditórias e inverossímeis. Não houve qualquer envolvimento dele com os fatos narrados na denúncia. Demonstraremos isso com veemência e acreditamos que a denúncia não pode ser recebida”.
Folhapress

Charge do Dia

RIO-2016-PW-20-7-16

Mulheres se bronzeiam na laje de Realengo

Sucesso nas redes sociais, laje atrai curiosos e funkeiras para bronzeamento

Publicado por: Amara Alcântara
Tati Quebra Barraco, Mulher Filé e outras clientes posam na laje de Realengo
Quem mora na Rua Dez, em Realengo, já percebeu o aumento no movimento no número 195. Diariamente, anônimas e até famosas entram e saem do endereço em busca de um lugar ao sol. Trata-se da casa de Erika Bronze, de 33 anos, nova celebridade da internet graças a sua laje, onde a mulherada coloca em dia a marquinha de biquíni feita ali de um jeito inusitado: com fita isolante. Ela tem mais de sete mil seguidores no Instagram, 20 mil no Facebook e outros milhares no Snapchat.
Hora de ficar em pé: bronze em todo o corpo
Hora de ficar em pé: bronze em todo o corpo - Foto: Fábio Guimarães
O traje improvisado é todo colado no corpo pela própria Erika. Em seguida, ela passa no corpo da cliente protetor solar e um bronzeador. É aí que a laje montada há seis meses pela empresária ganha ares de Praia de Copacabana, abarrotada de beldades colocando o bronze em dia. Com árvores ao redor e sem prédios altos por perto, deixando a mulherada bem à vontade, o spa a céu aberto virou um sucesso. Vale ficar nas posições mais elaboradas possíveis para que o corpo pegue cor de maneira uniforme.
Atraídas pela curiosidade depois do burburinho que a laje começou a fazer nas redes sociais, Vitória Frensil e Bruna Soares, ambas de 19 anos, saíram de Niterói, onde moram, para conhecer o lugar. Para elas, ir à praia para fazer marquinha de biquíni está fora de cogitação.
Tati Quebra barraco e Mulher Filé tomam sol na laje de Realengo
Tati Quebra barraco e Mulher Filé tomam sol na laje de Realengo - Foto: Fábio Guimarães
— Aqui podemos tomar sol na posição que queremos sem ninguém ficar olhando e sem passar vergonha — conta Vitória, que, com a amiga, pegou barca, táxi e trem para chegar ao endereço.
As niteroienses não são as únicas que vêm de longe. Segundo Erika, o terraço já recebeu pessoas de Duque de Caxias, São Gonçalo, Volta Redonda e até de São Paulo.
A laje fica cheia todos os dias de sol
A laje de Realengo fica cheia todos os dias de sol - Foto: Fábio Guimarães
Além de disponibilizar o espaço, a empresária faz esfoliação corporal e massagem em quem chega. Se o calor aperta, Erika passa com um regador para refrescar os pés das clientes.
A loura diz que leva jeito para o negócio que criou desde a adolescência, quando começou a montar “biquínis” de esparadrapo nas amigas para ganhar dinheiro e sair — o destino favorito era o baile funk. Na época, o terraço em que morava era na Vila Aliança, em Bangu.
Mulher se refresca em chuveiro da laje
Mulher se refresca em chuveiro da laje de Realengo - Foto: Fábio Guimarães
— Sempre gostei de fazer essa marquinha em mim e em minhas amigas. Com o tempo, percebi que tinha um dom e resolvi cobrar pelo espaço e pelo serviço que eu já prestava. Meu espaço é simples. Se tiver luxo, vão pensar que é caro, e ninguém vem — explica Erika, que cobra R$ 70 por pessoa.
O status de celebridade da internet ela ganhou após a filha, Jéssica, de 16 anos, criar uma conta no Snapchat há três meses. O sucesso é tanto que ela tem hoje clientes famosas, como Alessandra Cariúcha, a Garota da Laje, Yani de Simoni, a Mulher Filé, e Tati Quebra Barraco.
Erika faz massagem na Mulher Filé
Erika Bronze  faz massagem na Mulher Filé - Foto: Fábio Guimarães
— Em casa, fico meio sem paciência ao ficar muito tempo parada no sol sozinha. Aqui ficamos conversando. Eu me distraio. E também tem a massagem, que é ótima — elogia Tati, que na visita que fez à laje justamente no dia desta reportagem acabou combinando com Mulher Filé de gravar uma música juntas.
Fonte: EXTRA