quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Negligência e abuso infantil

Casal é preso após abandonar o filho para jogar Pokémon Go, nos Estados Unidos

Casal deixou filho de 2 anos sozinho por 90 minutos
Casal deixou filho de 2 anos sozinho por 90 minutos
Um casal foi preso acusado de negligência e abuso infantil após abandonar, por 90 minutos, o filho, de apenas 2 anos, em casa para jogar Pokémon Go pelas ruas de San Tan Valley, no Arizona, Estados Unidos. As informações são do site da revista Times.
Brent Daley, de 27 anos, e Brianna Daley, de 25, disseram aos oficiais que a criança estava dormindo quando saíram para comprar gasolina, mas, em vez de retornar, decidiram caçar os monstrinhos.
O menino foi encontrado por um vizinho, que ouviu seu choro, por volta das 22h30 da última quinta-feira (25). O bebê estava usando apenas uma fralda e uma camiseta. “Ele estava sujo, com o rosto vermelho e angustiado”, disse um oficial.
O serviço social foi acionado e retirou a guarda do casal. Ao ser preso, Brent teria se mostrado indiferente com a situação do filho. Os dois pagaram fiança e foram libertados pouco tempo depois. “Nunca imaginamos que pais poderiam abandonar suas crianças para jogar Pokémon Go. Isso é incompreensível”, disse o xerife Paul Babeu.
Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário